Julho 2015 ~ Recurso 2ª Fase OAB - Mapa do Direito
Recurso 2 fase OAB

Recurso 2 fase OAB - Mapa do Direito

29 julho, 2015

E a polêmica continua viva! O uso de marca textos na segunda fase do Exame da Ordem está liberado ou proibido? A dúvida tomou conta das discussões entre os candidatos que estão se preparando para a próxima prova, pelo fato de o último edital ter alterado o texto em relação aos materiais proibidos.

O edital do XVII exame, determinou como material/procedimento proibido, a "Utilização de marca texto, traços, post-its ou remissões a artigos ou a lei de forma a estruturar roteiros de peças processuais e/ou anotações pessoais".

Entretanto, o mesmo edital, informou como material/procedimento permitido, a "Simples utilização de marca texto, traço ou simples remissão a artigos ou a lei".

Eis que assim surgiu a grande dúvida: Afinal, a utilização de marca textos está liberada ou proibida? A proporção do questionamento aumentou depois que alguns cursinhos preparatórios se posicionaram pela utilização de marca texto, e outros contra essa utilização.

- Pode ou não pode?
Bom, se formos analisar o edital de forma gramatical e sistemática, vamos chegar a conclusão de que é sim permitido utilizar marca textos, EXCETO se essa marcação for realizada para estruturar peças processuais ou anotações pessoais.

Aí surge outra dúvida: O que seria estruturar peça processual? No meu entendimento, seria estruturar, a marcação de artigos com uma mesma cor, que permitisse elaborar uma peça, ou seja, marcando os elementos de uma determinada peça.

Por outro lado, não vejo problemas em marcar de uma cor tudo o que estiver relacionado a inicial, de outra cor o que for relacionado a defesa, e de outra cor os artigos sobre recursos.

Entretanto, infelizmente nós sabemos que nem sempre a FGV e seus fiscais são justos, e essa nova regra poderia sim servir de base para um fiscal confiscar o material, ou até mesmo eliminar um candidato do certame.

- O que a OAB acha disso?
Para tentar solucionar essa dúvida, eu entrei em contato com a Comissão Nacional de Exame de Ordem do Conselho Federal da OAB, solicitando esclarecimentos sobre essa nova regra, porém ainda não obtive respostas.

Assim que obtiver uma resposta oficial da OAB, irei publicar nesse espaço. Enquanto isso, infelizmente a dúvida se mantém, e o mais prudente é utilizar o marca textos de forma moderada, para evitar qualquer tipo de problema.

Bons estudos!

14 julho, 2015

Quem está se preparando para a 1ª fase do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil, elaborado pela Fundação Getúlio Vargas, deve saber que o exame é composto por 80 questões de 17 disciplinas diferentes, e que a banca (de forma maldosa na minha opinião), não separa a prova por disciplinas.

Ou seja, desde a 1ª questão, até a questão 80, não há nenhum tipo de informação sobre qual é a disciplina das questões seguintes. Assim, fica mais difícil a vida dos candidatos que preferem selecionar as matérias que desejam responder primeiro.

Felizmente, a FGV procura colocar as disciplinas quase sempre na mesma ordem, que atualmente é a seguinte:

1 a 10: Ética
11 e 12: Filosofia
13 a 19: Constitucional
20 a 22: Direitos Humanos
23 e 24: Internacional
25 a 28: Tributário
29 a 34: Administrativo
35 e 36: Ambiental
37 a 43: Civil
44 e 45: ECA
46 e 47: CDC
48 a 52: Empresarial
53 a 58: Processo Civil
59 a 64: Penal
65 a 69: Processo Penal
70 a 75: Trabalho
76 a 80: Processo do Trabalho
Então surge a dúvida: Devo resolver as questões pela ordem da prova, de 1 a 80, ou dividir por disciplinas e resolver primeiramente as questões que tenho maior conhecimento? Essa é uma dúvida que divide grande parte dos candidatos e também dos professores, e, infelizmente, não há uma resposta definitiva.
Eu particularmente, sempre gostei de dividir as disciplinas, e responder primeiro as matérias que tenho maior afinidade, e deixar as disciplinas "pequenas" para o final. Gosto dessa forma pois o meu desempenho ao responder provas cai muito após as 2 primeiras horas, então nessas horas iniciais procuro acertar o maior número possível de questões.

- A escolha é pessoal
Entretanto, essa escolha deve ser feita com base nas características pessoais de cada pessoa. A minha sugestão é que você faça um teste em casa. Ao realizar seu próximo simulado, tente identificar as disciplinas e anotar na prova, e responda pela ordem de conhecimento que você tem em cada matéria.

Se você gastar mais de 10 minutos para identificar as disciplinas, talvez seja melhor seguir a ordem da prova e não se preocupar com isso, pois esse tempo pode ser precioso no final, principalmente se você costuma utilizar todas as 5 horas para a realização da prova, lembrando ainda do tempo necessário para marcar o gabarito.
Por outro lado, se você tem leitura dinâmica, e consegue facilmente identificar as disciplinas, e tiver certeza que esse tempo dispendido não irá prejudicar no resultado final, separar as matérias pode ser uma boa opção para aumentar sua produtividade durante a prova.
- Inicie sempre por Ética
Independente da forma que você resolver realizar a prova, isso é algo que você deve decidir ANTES do dia da prova, e não algo para ser decidido na hora da prova, e lembre-se, Ética é, sem dúvidas, a disciplina mais importante do exame, então vale a pena SEMPRE iniciar a prova resolvendo suas 10 questões.

Boa prova!
"Planejamento e disciplina formam a ponte que liga nossos sonhos às nossas realizações."